Declaração Anual

Nota de corretagem: o que é e para que serve?

Alice Porto 13.05.2021 2 minutos de leitura
Nota de corretagem: o que é e para que serve?

Se você investe em renda variável, com certeza já se deparou com uma nota de corretagem. Esse documento cheio de numerozinhos é fundamental para que você possa trilhar o caminho consciente da tributação.

É através da nota de corretagem que você consegue fazer seus cálculos e, por consequência, pagar suas DARF’s e entregar a Declaração Anual. Ou seja: quer ficar em dia com o leão da Receita Federal? Então fica ligado nas suas notas de corretagem.

O que é nota de corretagem?

A nota de corretagem é a certidão de nascimento do investidor. Isso significa que se você tem esse documento vinculado ao seu CPF, então você é oficialmente um investidor da Bolsa de Valores aos olhos da Receita Federal. E, por consequência disso, tem algumas obrigações fiscais para cumprir. 

Nota de corretagem e a frase "certidão de nascimento do investidor".

Pensa na nota de corretagem como uma nota fiscal da Bolsa de Valores. Através desse documento fiscal você pode consultar os valores referentes aos seus investimentos. Alguns deles são os custo dos títulos, emolumentos, taxas de corretagem, venda bruta, entre outros.

É com essas informações em mãos que você vai conseguir cumprir com uma das suas principais obrigações fiscais: o cálculo de IR. Sem a nota de corretagem, você não conseguiria:

Ainda ficou dúvida? Então se liga nesse vídeo! Fiz ele com muito carinho  para te explicar tudo o que você precisa saber sobre a nota de corretagem: 

O que é taxa de corretagem?

A taxa de corretagem é um valor cobrado pela corretora na bolsa de valores. Através dela você pode realizar as operações de compra e venda de ativos. 

Alice Porto dando dinheiro para a corretora e pensando na nota de corretagem.

Diferente da taxa de custódia, que é cobrada para armazenar seus títulos, a corretagem é cobrada de acordo com suas negociações. Cada compra e venda de título vem acompanhada dessa taxa.

É importante entender como funciona a taxa de corretagem antes de escolher suas corretoras, porque ela altera seu lucro final, já que é um custo a mais sobre as suas movimentações. 

Algumas corretoras, para competir no mercado, adotaram a política de taxa zero. Ela permite que investidores possam negociar seus títulos sem pagar tributos, referentes à movimentação, para a corretora. Bacana, né? 

As taxas vem sempre informadas nas suas notas de corretagem e são parte fundamental dos seus cálculos de Bolsa, já que é através delas que você encontra o seu custo de aquisição. 

Entendeu tudo sobre a nota de corretagem? Boa! Agora é só, por fim, escolher sua corretora e se jogar no mundo dos investimentos e da tributação consciente. Se precisar de ajuda, eu tenho um curso que pode te ajudar! E mais: uma contabilidade para resolver todo o seu IR de Bolsa.

O que é nota de corretagem?

A nota de corretagem é como a nota fiscal da Bolsa de Valores. É nela que você vai encontrar informações sobre seus investimentos.

O que é taxa de corretagem?

Taxa de corretagem é o valor cobrado pela sua corretora para que você possa movimentar seus títulos através dela.

Alice Porto
Alice Porto Contadora da Bolsa
Alice Porto é graduada em Ciências Contábeis pela PUC Minas e tem 25 anos de experiência em gestão empresarial. Especializada em contabilidade para investidores da Bolsa de Valores, ela é fundadora do canal @contadoradabolsa e autora do livro "101 Perguntas e Respostas Sobre Tributação em Renda Variável".

Leia também